domingo, 31 de julho de 2016

Uma ida à praia em 100 ml!

Existem perfumes/aromas/fragrâncias que não se esquecem! Mas o perfume - Replica de Maison Martin Margiela- talvez, mereça a sua atenção! Perfume que lembra o cheiro de pele salgada inundada pelo sol! É de mestre! Deve ser de... cheirar e comprar por mais.

Como se pode armazenar um momento, num frasco? Neste caso, uma ida à praia?
Existem mais fragrâncias associadas a momentos. Veja e borrife-se aqui. 

Por isso, já sabe, nos dias em que o sol fugir! Não se preocupe. Borrife-se às toneladas com Beach Walk e imagine os seus pés afundarem-se na areia enquanto caminha!


~~~~~~~~
Boa praia!!! 
P.s. Não se esqueça de levar o protector 



sábado, 30 de julho de 2016

My home

[É tão bom ler o Sebastião Bugalho, mas desta vez foi bem melhor!!!!]
Uma ode à minha terra | Crónica de viagem: Açores | Jornal i
_________________________
 
ilha das Flores
 
Tive a sorte de a minha viagem para os Açores ser tão curiosa quanto a minha viagem nos Açores.
Entre as ilhas, descolei e aterrei no cockpit. Um dos copilotos viu-me murmurar uma prece antes de levantarmos voo e perguntou-me:
- Não sabes que a probabilidade de teres um acidente de carro é muito maior que a de teres um acidente aqui? 
- Ah, mas eu também rezo antes de viajar de carro -, respondi. 
O comandante, um tipo baixinho e bem--disposto, riu-se e contou-me que também era católico, que se tinha convertido tarde. 
- Acreditas que só tive a certeza quando olhei para a terra daqui de cima? Tinha de haver qualquer coisa maior para fazer isto tão bonito. 
Achei que o padre Jacques Hamel, assassinado esta semana em França enquanto celebrava a missa, teria gostado de ouvir isto. Por mais que se tente laicizar o Ocidente, ocultando a culpa islâmica e o luto cristão, ainda há dois gajos que se podem cruzar a 15 mil pés de altitude e, por acaso, conversar sobre a fé. 
Um miúdo que também vinha no cockpit perguntou se as nuvens existiam por Deus fumar muito, e lá nos rimos todos. 
Eu perguntei ao comandante se conhecia a ode do William Butler Yeats aos aviadores irlandeses. “I know that I shall meet my fate/ Somewhere among the clouds above;/ Those that I fight I do not hate/ Those that I guard I do not love”. 
Coincidentemente, a minha fé também tinha uma causa voadora. 
Lembrei-me do meu avô, que era piloto e gostava do Yeats. Que me converti depois de ele voar lá acima uma última vez. 
Depois cheguei aos Açores e toda a gente que me avisou tinha razão. É lindo. 
Uma velhinha da minha aldeia costuma dizer que não se escolhe país nem família; só amigos e destinos. 
Os Açores dão-nos um sentimento misto em que mudamos de mundo dentro do nosso próprio país. Têm as montanhas em neblina da Escócia, o pôr-do- -sol à beira-mar de Veneza e as fajãs que fazem lembrar Bali. São realmente únicos. Cada ilha, cada praia, cada miradouro. Não admira que Júlio Verne tenha escolhido o arquipélago como entrada para a sua “Viagem ao Centro da Terra”. Não admiraria até que alguém se lembrasse de proclamar que, afinal, a Atlântida não se perdeu e que os portugueses sempre a tiveram sua.
Se o meu caro leitor gostar de desafios, suba o Pico, o ponto mais alto de Portugal. Não é uma montanha que se vença, mas é uma aventura possível de não se sair vencido. Nós demorámos nove horas a completar o percurso e, eventualmente, só chegámos ao nascer do sol por estar demasiado escuro para vermos quanto faltava. Faziam cinco graus ao amanhecer.
Mais importante: se o meu caro leitor vier aos Açores, traga a namorada ou a máquina fotográfica. Sem uma delas, sentir-se-á perdido e um bocadinho parvo. 
É necessário - até aconselhável - entrar em processo de descompressão. Ao jantar, o pão e a manteiga não chegam logo que nos sentamos, mas temos uma vista que nos entretém como em nenhum outro sítio. 
O jornal só chega depois de almoço e eu, depois de almoço, não leio. Na verdade, não lia tão poucas notícias desde que estava a caminho daquela aldeia com alguém que me faz conduzir só com uma mão por estar com a outra na dela. 
Aqui não se trancam portões na rua e podemos beber vinho à beira da piscina municipal até de manhã. Aqui há restaurantes sem password na internet porque “isso não se rouba”. Aqui, os taxistas são uns porreiros. Aqui pagam-se 15 euros por uma refeição cheia de marisco e cerveja. Do queijo às sopas, é tudo bom. 
Sobretudo, aqui não é só um paraíso na terra. É o paraíso da nossa terra. 
À Catarina e à Inês

Oficialmente viciada

(a culpa é outra vez da T.)
-------------------------------------------------- |***| --------------------------------------------------
put this on
 
 

HEartAdvisor: Palácio Chiado

 
Era um propósito: quando voltar a Lisboa eu tenho que ir ao Palácio Chiado (---- Check ----)
 (a sorte de ter bons amigos: sem saber desta minha vontade esta menina AQUI convidou-me para jantar vão lá espreitar o Instagram: AQUI e vejam as fotos).

 
Naquele sábado apanhei o uber - ou não seria uma boa adepta do mercado liberal - com a Mariana, ainda íamos ter com a Ana e o Bernardo, o mais giro deste jantar é que íamos ter a companhia de uma inglesa, que a Ana tinha acabado de conhecer (sim acabado de conhecer!!!) e - tão-tipo-cena-à-Ana convidou-a para o nosso jantar (por isso é que eu gosto dela!!!), sentamos no bar... quando vimos um tesouro: o gin do Palácio (afinal todos os palácios tem um tesouro escondido, não é o que contam as histórias de encantar?) o menino - barman -  à nossa frente, no balcão, fazia um gin como um artista, num copo de balão: cada fruta era colocada de maneira ordenada e exprimida, só podia ser prefeito, quando se ouviu ao mesmo tempo: "um para mim por favor!"
Ok passamos a parte do bar e por sugestão dos noivos - Valter e Rosarinho - fomos às tapas (ai como a Rosarinho me conhece tão bem!!!) "Páeteo no Palácio" top top top.
 
Bom jantar & boa companhia o que queremos mais numa noite de Verão?

Vale a pena visitar, entrar, nem que seja só para olhar as paredes, ou ver a fantástica vista sobre a minha cidade de Lisboa.
O lugar promete! Eu vou voltar, até porque quero experimentar a “Espumantaria do Mar”.

Em jeito de curiosidade, como já conhecia a história, gostei de perceber o lugar:



 

sexta-feira, 29 de julho de 2016

1 vídeo + 1 texto + 1 tema = a 1 lição de vida






#1 vídeo 
Este vídeo vi-o hoje e achei encantador! 
Faz pensar como é importante reequilibrar atitudes, ponderar decisões, onde imperem o bem-comum. Parece óbvio......! Mas quantas e quantas vezes, no nosso dia-a-dia, nos esquecemos do essencial e perdemos o foco do que é importante (pausa).. Desfocam-se as motivações e por vezes, vamos por caminhos pouco interessantes e úteis. E o desafio está presente todos os dias - em nossa casa, com a nossa família, no trabalho, com os nossos amigos.  


#1 texto

Já o texto do Padre Vasco Pinto Magalhães, sj - Não há soluções, há caminhos, li-o algum tempo, mas achei um bom complemento ao vídeo, para assentar as ideias e fazer o checkmat. Espero! 


"A vida não tem receitas mágicas. Um casal de namorados desabafava: "Parece que nos passou aquele fogo do início, não estamos mal, mas perdemos a força; se calhar é melhor acabarmos". Não tenham pressa. Amar é gostar e entender-se. As duas coisas. Mas o gostar vai e vem, o entender-se dá continuidade. Não se casa sem gostar. Mas sem se entender ainda é pior. Talvez aquele fosse o bom momento para eles verem se queriam o mesmo da vida."




Não há soluções, há caminhos ,Padre Vasco Pinto Magalhães, sj



Sexta-feira nas ilhas

é um bom dia para ouvir o barulho do mar:
 


-------------------------------------------------- |***| --------------------------------------------------
put this on
 
 
 

quinta-feira, 28 de julho de 2016

Pontaria!

Monólogos de 5ª Feira!!
Chega a quinta-feira e a cabeça já só pensa na vizinha da direita d' 5ªF.  



HEart na comunicação social | Diário Insular #14

Este ódio é um apelo aos homens bons, aos homens de coragem!
(Diário Insular | 28 de Julho de 2016)
 
 (para ler melhor clique na imagem)

MY STUFF #6

Sou uma apaixonada por Roma ( até trinquei lá  AQUI).
Gelados, Pizzas, Massa, Fé, Arte e.... Vespas.
Sonho desde pequena ter uma (ainda sonho), quero dar a volta à América do Sul com uma, quero ter um sótão em Roma e uma na garagem, sonho em ser a Audrey Hepburn como no filme "Férias em Roma" ou a Anita Eckberg  em  "La Dolce Vitae".
Sentir o cabelo a voar, o estilo e a liberdade, a Vespa é mais do que uma scooter, é tradição é cultura é swag.
Por isso não podia deixar de citar, aqui, a reportagem do Observador, que é também uma história de empreendedorismo perante a crise:
 
 
 
 
 

quarta-feira, 27 de julho de 2016

Porque ontem foi o dia dos avós | Deus tem algo de avô

É impossível não ficar indiferente a este amor: amor de avós, todos nós sabemos a importância que têm no nosso crescimento individual e no desenvolvimento social, o que seria de nós sem os avós.
Uma infância sem avós é como um  infância sem chocolates, sem asneiras, sem cultura, sem fé.....
Li uma entrevista fantástica, profunda lição, de como cuidar dos seus, de um casamento difícil mas feliz, de lutas e de alegrias.
 
Eliana & Tito
a história dos avós que não é só a história deles, aqui estão muitos.
 
 
 
«Ficaram-me muito gravadas umas palavras do Papa numa das suas catequeses sobre a família: “um povo que não respeita os avós, não tem futuro, porque não tem memória, perdeu a memória”»
 
Vale a pena ler:
Clique aqui:
 
!Aprender a cuidar, aprender a amar o que é de melhor na nossa sociedade!
 
 

A pergunta da praxe!!!

Já tomou [o seu] café, hoje?

Hum....o cheiro a café, o barulho da máquina a trabalhar, as conversas que dançam à volta das chávenas....


O Sr Café.... 
ora ele é curto, ora ele é cheio, abatanado ou duplo...jovem, intenso ou sem cafeína...

Tanto é expresso, como expresso com chantilly, ora vira macchiatto ou marchas com caramelo também, ora és mocha (chocolate ralado a pintar a espuma branca....), ora vira com água por cima (segue, que vem gente atrás!!)...
Ele é cortado também, caso contrário venha o café com leite,....ou faz-se o shake ao leite e voilà - é um cappucciono a sair-, para os fortes venha aquele com cheirinho ou irlandês...  

No norte: Olha o café!
No sul: Olhá bica!




Já tomou [o seu] café, hoje?

terça-feira, 26 de julho de 2016

Dias dos Avós - Ainda existe boa publicidade (XXIV)


 Já se lembrou ou deu um beijinho aos seus Avós?

A Metlife - companhia de seguros de vida, apostou num anúncio assim:
Humor, compreensão e autenticidade foram o guião para juntar a família, aproveitar ao máximo as férias e
[agradecer muito a família que tem  


 

Hoje

 26 de Julho dia de Sant'Ana e São Joaquim
 
Ontem tentei ir à Missa, porque sim, um dia perguntaram-me se eu era obrigada ir à Missa, eu só respondi: "Alguma vez estiveste apaixonado?", não sei se ele entendeu a resposta, mas é isso... uma questão de amor. Quando ontem cheguei à porta da igreja reparei que estava fechada, não é comum, talvez o sacerdote esteja de férias, nunca entendi este tipo de férias dos padres, os pais de família não costumam tirar férias, não deixam de alimentar os seus filhos porque é verão.
Hoje de manhã acordo com a notícia que Jacques Hamel, um sacerdote francês de 86 anos, foi degolado enquanto celebrava a Santa Missa na sua calma paróquia, numa clama aldeia da Normandia. Um mártir na Europa ocidental em pleno século XXI, um acontecimento terrível, mas com muita profundidade sobrenatural, eles nunca irão entender.
Numa Igreja, lugar de paz, na casa de Deus, enquanto se celebrava a maior entrega de todas, a renovação da Paixão, onde se fala que só com o amor se vence o odio. O Padre Jacques foi morte e a sua comunidade feita refém, porque foram fieis, porque ele foi um pastor, porque celebrava a Santa Missa... (dá que pensar).
As nossas armas são maiores que as deles, as nossas palavras são mais verdadeiras que as deles, o nosso amor é muito superior ao odio deles: bastava sermos coerentes e fieis!
Alguma vez estiveste apaixonado?
 
 
Ainda esta semana um padre da mesma Igreja Católica escrevia aos terrorista: "Não terão o meu ódio!"
 
Hoje lembro-me especialmente dos meus amigos que tinham - humanamente - uma carreira profissional promissora pela frente  e trocaram tudo isso pelo seminário.
Hoje lembro-me de uma grande amiga que está em Paris e, que apesar do medo constante, vai todos os dias à Santa Missa.
Hoje agradeço o exemplo de um director espiritual que fica horas e horas fechado num confessionário.
Hoje alegro-me por aqueles sacerdotes que não tiram férias e celebram a Missa todos os dias.
Hoje lembrei-me de um padre das ilhas, que  anda vestido de padre, e numa capital europeia foi cuspido, enquanto ia pela rua.
Hoje vi muitos dos meus ali, com o Padre Jacques Hamel e com os seus fieis, que no dia 26 de Julho foram simplesmente à Santa Missa.
Hoje também é dia do ano da Misericórdia, que coisa estranha esta a Misericórdia.
Hoje também começam as Jornadas Mundiais da Juventude, em Cracóvia, o maior encontro com o Papa, sei, por experiência própria, que serão dias intensos, de muitos frutos e este ano ainda mais, porque como um escritor clássico dizia, descrevendo o martírio dos Cristãos no Império Romano: "O sangue de mártires é semente de Cristãos"

PS.: desculpa Padre Jacques naquela noite, da véspera da tua partida, deitei-me cedo demais, adormeci e nem acabei a minha oração, a que devia ter feito, a que queria ter feito, talvez tenha sido por culpa da minha tibieza.
 
 
 
«Possamos nós nestes momentos ouvir o convite de Deus a tomar cuidado deste mundo, a fazer dele, onde vivemos, um mundo mais caloroso, mais humano, mais fraterno.»
Padre Jacques Hamel

segunda-feira, 25 de julho de 2016

Por fin te encontré

A nossa querida T (para quem não se lembra era a DJ aqui do blog: HEart Playlist) casou <3 <3 <3
 
Dia 16 de Julho é o dia da Nossa Senhora do Carmo - um bonito dia para casar - com um sol incrível e desta vez nem foi preciso de oferecer os ovos a Santa Clara, foi um dia memorável! (oh tempo volta para trás!!!)
 
 
Eu sabia que a  T&F  iam ter o casamento do ano, que tudo estava impecavelmente bem preparado - principalmente o essencial!!! Por falar no essencial aqui fica um filme sobre o significado do casamento:
 
 
 
Mas aquele sábado foi verdadeiramente de arromba (podem ver uma reportagem mais pormenorizada no blog das manas Ulrich, no Monozigo Sisters: AQUI sobretudo podem ver como a noiva está linda!!!! Ou melhor como a noiva é linda!!!!)
 
Sim a T estava mais do que preparada e o F mostrou-se sempre um homem integro, um verdadeiro amigo e agora um grande maridão, com eles aprendi muitas coisas, e naquele dia aprendi muito sobre a generosidade, a verdadeira entrega, saber esperar sem nunca desistir e como vale a pena, porque o casamento não é só "a festa", mas também é para bailar e muito:
*
para ouvir:
 
 
 

Recebido por e-mail


"Impressionante como tudo são escolhas, até as palavras que utilizámos, e há palavras que abrem novos caminhos, novas oportunidades, novas amizades só porque são abertas, carinhosas e simpáticas!"





Uma mensagem que enche o coração! Não acham? 

sábado, 23 de julho de 2016

Lei das Leis



Weekend Mood!



Quit saying you don’t have time. You have time for what you make time for in life.

Ainda vou a tempo...

**
Bom fim-de-semana
 Aproveitar 2 dias 
 Respirar
 Natureza
**



sexta-feira, 22 de julho de 2016

Ainda existe boa publicidade (XXIII)


A propósito dos Jogos Olímpicos.
---
Um anúncio contagiante!! Mostra que as circunstâncias da vida, neste caso, uma criança especial, eleva as suas capacidades para uma competição onde estão os melhores.
Resultado : Torna-se uma campeã!!!!

A providência divina faz destas coisas, traz sempre um presente, uma lição de vida, mesmo quando o embrulho não é perfeitinho.


sexta-feira, 15 de julho de 2016

Um mergulho gelado, por favor


Bom fim-de-semana!!

#Aquele mergulho



#Aquele gelado



# Recuperar energias




#Aquele passeio
(*Cinque Terre não é propriamente aqui ao lado, mas a imagem inspira)


#Só mais um passinho de dança!!


# Descansar




Esta é para UMA pessoa ESPECIAL!


Um presente para a Teresa Moutinho!






terça-feira, 12 de julho de 2016

O que uma [boa] fotografia faz?

Inspira!
Acorda!
Aconselha!
Enche a "casa das memórias"!!

Infância + Verão + Mar + Voar







Os emojis têm manual de instruções?!

Os emojis são os bonecos que expressam várias emoções.  
Usam-se nos e-mails, telefones, redes sociais. Eles vieram para ficar! 

Ponha o dedo no ar, quem não escreve uma frase com emojis?


(Pois é!)


Emojis ao poder!  


Hoje [não] vamos escrever sobre futebol!


Hoje não vamos falar de futebol!
Vamos falar de garra!

"O mundo no dia 10.07.2016 assistiu a um jogo onde todas as circunstâncias estavam contra Portugal. Uma equipa unida, uma boa estratégia, um treinador com Fé, mostraram que somos grandes. E que nunca devemos deixar que as circunstâncias adversas nos tirem a energia para continuar sempre a lutar. Que o que interessa não é ser o melhor jogador, mas sim ter a atitude certa, no momento certo." 

Assim foi: Viva Portugal!!!!!!!!!
Autor: anónimo



Armadura perfeita, para o dia perfeito!!!

segunda-feira, 11 de julho de 2016

Nobre Povo

Porque mesmo pequeninos nós somos grandes.
Um grande MOMENTO DO EURO 2016: AQUI
(Futebol com HEart <3 )
 

Líder



 
 (porque não acreditamos na sorte)
Define-me líder?
Nunca desiste, tem humildade para continuar sem ter o protagonismo, tem mérito, tem força, não tem sorte o que tem é empenho, não é mimado, sabe trabalhar com o próximo com as suas limitações, sabe tirar partido das qualidades que os outros nem sonham que têm, sabe incentivar, puxar para cima, sabe animar, encorajar, estimular, impulsionar, sabe vencer e sabe muito bem perder.
Não sabe desistir, não sabe o que é o derrotismo, não tem pena de si próprio, não é fraco.
É o capitão, nobre de sentimentos e sabe respeitar, valente, herói, destemido, grande.
Tu és um Líder, Cristiano Obrigada!
 

Nação Valente

 
Somos campeões, com muita dor, muito suor, com muito trabalho, com muita ambição, o que faz falta na politica portuguesa nós vimos no relvado, a humildade que superou a arrogância, a união, a dor de ver o Cristiano, o nosso capitão sair do jogo, sim pela primeira vez emocionei-me a ver um jogo de futebol, nunca tinha percebido aqueles adeptos histéricos, enervados, com lágrimas nos olhos, mas eu fui um deles.
Hoje somos um país mais alegre! E queridos franceses não é preciso das nossas cores fazerem-se brilhar na torre Eiffel, nós temos o melhor do mundo e isso sem azias, sabemos perder e sabemos muito bem ganhar.
Pela primeira vez, estávamos lá todos, os sportinguistas mais o benfiquistas, estávamos os de São Miguel e os da Terceira, estavam os pobres e os ricos, estavam todos os portugueses na rua.
Foi uma vitória de uma povo, um povo de emigrantes que sofre calado, um povo humilde, foi a vitoria de um líder, um capitão e de um treinador, foi a nossa vitoria, sobre um futebol viciado e uma Europa de deficits. Foi a vitória da sardinha assada sobre o croissant - se é que me entendem!
V i v a  P o r t u g a l!
 

Palavras para quê?! Campeões!!!





























Repeat! Voltar atrás! Vá lá!



Ouvir,em modo repeat!!!

Clique para ouvir ~ Sophia Alexa
(Cantora que ficou conhecida através do programa-Voice UK de 2014) 

Welcome Monday!


sexta-feira, 8 de julho de 2016

Sexta-feira sabes a algodão doce!

Chegou a querida sexta-feira, aquele dia, em regra-geral, de fechar a porta do trabalho e abrir a porta do descanso.

Dia de organizar o fim-de-semana ou arrumar as tralhas, imigrar com a família e com os amigos para o programa delineado!! 

De ver um Jogo que promete ferver até aos cem graus centígrados ou zero.... on vera

Para começar a pedalar, lentamente, para um novo fim-de-semana, escolhemos esta música para si!!!

---
Música de Corinne Bailey Rae


Bom fim-de-semana!